Quarta-feira, Outubro 28
Home>>HORAS VAGAS>>4 podcasts de hóquei que tem de ouvir
podcast hóquei
HORAS VAGASNoticias

4 podcasts de hóquei que tem de ouvir

A quarentena criou novos hábitos. Um deles foi ouvir podcasts. Outro foi fazer podcasts. De tal forma que a gigante Amazon começou a racionar o seu stock de microfones. Não acredita? Experimente fazer uma encomenda… Quer isto dizer que há podcasts a mais? Talvez. Mas estes quatro podcasts de hóquei em patins são mesmo para ouvir.

O ‘Vamos falar de hóquei em patins’ do HoqueiPT já existia antes da quarentena. Pedro Santos, um dos responsáveis pelo site que há anos informa de forma continuada sobre a modalidade, explica que «começámos como um programa semanal na Rádio Movimento. O formato de podcast foi uma consequência natural, para levarmos este conteúdo a mais pessoas. Há pouco espaço de debate e de disrupção no hóquei e este formato predispõe as pessoas a deixaram a sua contribuição».

Da mesma forma, o ‘Dia de Treino, da Associação de Patinagem de Lisboa e da responsabilidade de Pedro Caeiro Gonçalves, coordenador técnico do Parede FC, teve um início anterior ao confinamento. «O presidente da APL desafiou-me para coordenar o projeto ‘Dar Voz aos Treinadores’. Quis aproveitar o movimento que se gerou à volta de uma lista candidata a Associação Nacional de Treinadores de Hóquei em Patins que eu encabecei [esta lista acabaria por não ir a votos por questões administrativas]. No seu início eu convidava os treinadores a escreverem uma crónica, mas, desde que começou a quarentena, optámos por um formato de podcast. Até agora, está a correr muito bem». E Pedro Gonçalves garante que vão aparecer mais novidades relacionadas com este projeto assim que acabar o período de confinamento.

O que fazemos quando estamos fechados em casa?

Mas outros podcasts de hóquei surgiram porque as pessoas estão fechadas em casa. Loic Ferreira vive em França e confessa-se «um amante da modalidade. Fui jogador e passo horas a discutir o hóquei em patins com os meus amigos. Com o confinamento, e porque queria ocupar o tempo livre de forma útil, decidi partilhar por brincadeira parte dessas discussões com as outras pessoas”. Foi assim que nasceu o ‘Covid-te a falar de hóquei’ que está disponível numa página de Facebook criada para o efeito. Enquanto isso, o coletivo do ‘Aquece que vais entrar’ também decidiu tornar pública algumas das suas conversas: «Não somos um podcast. Fazemos reuniões com pessoal ligado ao hóquei para partilhar conhecimentos e a paixão pela modalidade. E decidimos que uma dessas reuniões feitas com o Zoom fosse emitida na nossa página de Facebook». Correu tão bem que já programaram uma segunda sessão pública.

Apesar das diferenças entre estes podcasts de hóquei, há um elemento que os une. Querem criar um espaço seguro onde seja possível falar da modalidade sem amarras. «Falar de hóquei é fácil. Quando temos pessoas que querem ter uma conversa diferenciada, aberta, sustentada e informada sobre qualquer aspeto da nossa modalidade, é fantástico», considera Pedro Gonçalves.  Para o ‘Aquece que vais entrar’ é «mais fácil falar de hóquei com a primeira linha da modalidade do que com os outros. E, infelizmente, falta muita coisa à comunicação da modalidade».

Os podcasts de hóquei vieram para ficar?

Talvez o sucesso dos podcasts passe por aqui: pela aproximação entre o público e os protagonistas. Pedro Santos é perentório: «temos de criar referências e ídolos que chamem novos adeptos e novos atletas». Mas se os números de audições, visualizações e de interações mostram que há muito público para podcasts de hóquei, também é verdade que as conversas mais suculentas foram com gente que não está, neste momento, no ativo.

De qualquer forma, será que estes projetos vão continuar para lá da quarentena? O ‘Vamos falar de hóquei em patins’ e o ‘Dia de Treino’ garantem que sim. O ‘Aquece que vais entrar’ e o ‘Covid-te a falar de hóquei’ não sabem o que acontecerá quando as agendas pessoais e profissionais se alterarem. Loic Ferreira assume que «o ‘Covid-te a falar de hóquei’ surgiu para eu me entreter durante o confinamento. Mas já entrevistei alguns craques e tenho tido mais likes do que o previsto». Por isso deixa uma decisão para mais tarde. “Vivemos uma época eficaz para este tipo de formatos. Mas será difícil continuarmos com este tipo de coisas. As nossas vidas profissionais impedem-nos de continuar com o mesmo empenho», responde o coletivo ‘Aquece que vais entrar’.

A comunicação do hóquei à beira da reivenção?

No entanto, todos assumem a relevância de continuar a discutir a modalidade. Para Pedro Santos, do HóqueiPT, faz falta «sentido crítico e iniciativa. Dar um resultado ou copiar um comunicado não tem valor acrescido, não vai cativar mais adeptos. Há que procurar fazer mais e fazer diferente. O jogo tem muitos protagonistas, muitas abordagens distintas. Infelizmente também é muito maltratado a nível organizativo. Por isso há muito receio da parte dos protagonistas, jogadores, treinadores ou dirigentes, em assumir as suas convicções, sempre com receio de represálias. A nossa função é dar-lhes um empurrãozinho para tornar o debate mais rico”.

Pedro Gonçalves vai mais longe: «na comunicação social especializada em hóquei, salvo dois exemplos que são essenciais para a modalidade (o hoqueipatins..pt na informação e o HóqueiPT na investigação e reportagem), vejo problemas absolutamente primitivos: erros ortográficos, incoerências informativas, notícias encomendadas e crónicas escritas por quem nem viu os jogos sobre os quais se escreve. As instituições têm de informar melhor a comunidade da modalidade e os clubes também têm de investir na comunicação externa».

Uma crise também é uma oportunidade? Então que o confinamento potencie as transformações necessárias ao hóquei em patins. Com ou sem microfones comprados na Amazon.


Vamos falar de hóquei

Disponível aqui: VAMOS FALAR DE HÓQUEI EM PATINS

Autor: HoqueiPT

Periodicidade: semanal (agora com maior frequência, dependendo da disponibilidade dos convidados)

Duração: cerca de uma hora (agora alarga-se mais)

Transmitido em directo na página de Facebook do HóqueiPT. Depois é disponibilizado como artigo no site e como áudio no Breaker, Google Podcasts, Apple Podcasts, Overcast, Pocket Casts, RadioPublic e Spotify.


diatreino_podcast_hoquei

Disponível aqui: DIA DE TREINO

Autor: Associação Patinagem de Lisboa sob responsabilidade de Pedro Gonçalves

Periodicidade: semanal (agora, duas vezes por semana, à terça-feira e sexta-feira)

Duração: entre 1 e 2 horas

Transmitido através de Spotify, página de Facebook e canal de Youtube da APL


aquece_podcast_hoquei

Disponível aqui: AQUECE QUE VAIS ENTRAR

Autor: grupo de amigos que organizou uma página no Facebook

Periodicidade: aleatória

Duração: indeterminada

Transmitido através da página de Facebook


covidte_podcast_hoquei

Disponível aqui: COVID-TE A FALAR DE HÓQUEI

Autor: Loic Ferreira

Periodicidade: Duas entrevistas semanais, mas sem obrigatoriedade

Duração: 1 hora

Transmitido através da página de Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *